BLOG DO GABINETE

Filipe Barros defende o fim do TSE no Cpac Brasil 2021

“Eu defendo o fim do TSE, diante desse sistema eleitoral que nós temos, a justiça eleitoral que nós temos é um “Frankestien” jurídico que só existe no Brasil; defendo que se passe as atribuições para à Justiça Federal. Nós não precisamos ter um tribunal que nos custa R$ 8 bilhões por ano como é o atual TSE”, disse o deputado federal Filipe Barros.

A afirmação foi em palestra no Cpac Brasil 2021, evento realizado nos dias 3 e 4, em Brasília, reunindo importante nomes do conservadorismo nacional e internacional.

Filipe Barros participou de debate sobre o Voto Impresso junto com a deputada federal Bia Kicis. “Já tenho praticamente finalizada, e deixei aberto o convite inclusive à deputada Bia Kicis, para assinar comigo uma PEC que pede o fim da Justiça Eleitoral nos moldes que funciona hoje. Esta é a grande novidade que trago e anuncio aqui no Cpac”, destacou Filipe Barros.

“Regimentalmente, a PEC do voto impresso só pode ser reapresentada na próxima legislatura, só em 2023, portanto nós temos que seguir o debate sobre o tema e as urnas eletrônicas continuarão sendo criticadas por nós sim, nós não recuaremos um milímetro que seja sobre os nossos direitos. Então, considero que manifestação de amanhã, dia 7 de setembro , será muito importante para todo o Brasil; democracia não existe sem liberdade de expressão e é isso que vamos pedir nas ruas”, ressaltou Filipe Barros.



1 visualização0 comentário